Boletos em atraso podem ser pagos em qualquer agência bancária a partir de hoje

Fonte: A A A

10.07.2017 pagamento-boletos.jpg 1

A partir de hoje, 10/7, um novo sistema será adotado pelos bancos e promete facilitar a vida dos consumidores e ainda evitar fraudes nos pagamentos de boletos bancários. É a utilização de uma nova plataforma de cobrança implantada pela Federação Brasileira de Bancos (Febraban) que vai identificar o CPF ou CNPJ do pagador e fará o rastreamento das informações e irá possibilitar o pagamento de boletos vencidos em qualquer instituição bancária.

No momento do pagamento da dívida, o novo sistema vai verificar instantaneamente se o código de barra do boleto está na plataforma e devolverá as informações para que o pagamento seja efetuado. Caso as informações não estejam lá, a operação não será validada e o consumidor deverá pagar a conta exclusivamente no banco que emitiu a cobrança.

Ainda que a dívida esteja em atraso, o consumidor poderá efetuar o pagamento em qualquer banco e não será necessário emitir uma segunda via, pois o próprio sistema fará o cálculo dos encargos. E mesmo que o consumidor prefira pagar antecipadamente o boleto, os descontos também serão calculados automaticamente, conforme previsto pelo Código de Defesa do Consumidor.

Além de facilitar o pagamento, essa nova ferramenta também ajudará a evitar fraudes com envio de boletos não autorizados, pois pode identificar o CPF ou CNPJ do pagador e comparar com os dados registrados.

Contudo, a implementação do novo sistema será feito de forma escalonada, ou seja, a partir de hoje somente os boletos com valores iguais ou superiores a R$ 50.000,00. A partir de 11 de setembro o valor mínimo cai para R$ 2.000,00. Já em 09 de outubro, o valor será reduzido para R$ 500,00 e em 13 de novembro para R$ 200,00. Já a partir de 11 e dezembro todos os boletos, independentemente do valor, serão pagos com essa nova plataforma.

Assessoria de Imprensa do Procon Goiás

(62) 3201-7134

Fonte: A A A
Publicado em 10/07/2017 | |

Compartilhe

Fechar Acessibilidade