PROCON Goiás divulga pesquisa de preços de itens para manutenção preventiva do veículo

Fonte: A A A

Variação de preços do óleo de motor e do filtro de óleo pode chegar a 83,33% e 127,27%, respectivamente

Pesquisa de preços pode gerar economia na troca de óleo, filtros, alinhamento e balanceamento de até 41,62%

Com o preço do combustível pesando no orçamento, é importante que os consumidores condutores de veículos fiquem atentos a pesquisa de preços, e também para a manutenção preventiva do veículo que auxilia na economiza e redução de idas aos postos de combustíveis. Pensando nisso, o PROCON Goiás realizou pela primeira vez, uma pesquisa de preços de itens de manutenção preventiva veicular como troca de óleo do motor, filtro do óleo, ar e de combustível, além do serviço de alinhamento, balanceamento e cambagem.

A coleta de preços foi realizada entre os dias 2 a 8 de fevereiro, verificando os preços de 93 (noventa e três) produtos de diferentes marcas e modelos, bem como os preços de 3 (três) tipos de serviços em 14 (quatorze) estabelecimentos que comercializam esses produtos ou prestam estes serviços.

Principais variações entre o menor e maior preço:

downloadPreviamente à coleta de preços, pesquisadores do PROCON Goiás visitaram estabelecimentos que comercializam esses produtos ou prestam esses serviços, para obtenção de informações dos tipos de óleos mais utilizados e procurados por consumidores, as especificações e marcas para cada tipo de veículos, bem como as principais marcas disponíveis no mercado. Esta pesquisa, a priori, foi necessária para que sejam divulgadas informações de preços que realmente atendam aos interesses dos consumidores.

 

Óleo de motor:

83,33% – Óleo p/ motor flex – SAE 5W-40 – Sintético – VW / Renault – Ipiranga

Menor preço        : R$ 30,00                             Maior preço         : R$ 55,00

53,13% – Óleo p/ motor flex – SAE 5W-30 – Sintético – Fiat / GM / Ford – Móbil

Menor preço        : R$ 32,00                             Maior preço         : R$ 49,00

Filtro de óleo:

127,27% – Filtro de óleo – PSL-619 – GM – TECFIL

Menor preço        : R$ 11,00                             Maior preço         : R$ 25,00

78,57% – Filtro de óleo – PSL-560 – VW – TECFIL

Menor preço        : R$ 14,00                             Maior preço         : R$ 25,00

Filtro de ar:

73,33% – Filtro de ar – ARL-6096 – VW – TECFIL

Menor preço        : R$ 15,00                             Maior preço         : R$ 26,00

37,50% – Filtro de ar – ARL-8832 – VW – TECFIL

Menor preço        : R$ 16,00                             Maior preço         : R$ 22,00

Filtro de combustível:

50,00% – Filtro de combustível – GI-50/7 – VW – TECFIL

Menor preço        : R$ 20,00                             Maior preço         : R$ 30,00

25,00% – Filtro de combustível – GI-04/7 – Fiat – TECFIL

Menor preço        : R$ 20,00                             Maior preço         : R$ 25,00

Alinhamento:

100,00% – Alinhamento – carro de passeio

Menor preço        : R$ 30,00                             Maior preço         : R$ 60,00

Balanceamento:

200,00% – Balanceamento 4 rodas de ferro

Menor preço        : R$ 20,00                             Maior preço         : R$ 60,00

Cambagem:

64,00% – Cambagem carro de passeio

Menor preço        : R$ 50,00                             Maior preço         : R$ 82,00

Economia na manutenção preventiva pode chegar a 41,62% ao adquirir os produtos de mesma marca, porém com menores preços:

Considerando um carro de passeio da marca GM, fizemos uma simulação para dar uma noção ao consumidor da diferença de preços na troca de todos os itens pesquisados pelo PROCON Goiás, considerando os maiores e menores preços, para um mesmo tipo de marca.

Para a troca do óleo do motor (4 litros), troca do filtro de óleo, de ar e de combustível, aliado ao alinhamento e balanceamento das quatro rodas, o consumidor poderá gastar, considerando sempre a mesma marca e o mesmo modelo do veículo, o equivalente a R$ 226,50 caso adquira os produtos e serviços com os menores preços, ao contrário, a conta final pode chegar a R$ 388,00 caso a pesquisa seja deixado de lado. Neste caso, a economia do consumidor que adquiriu os produtos com os menores preços é de 41,62%.

Dicas de economia:

download (1)Aquele velho ditado que prevenir é melhor que remediar, aplica-se perfeitamente quando o assunto é manutenção veicular. Se o consumidor compara o custo da manutenção corretiva com o custo da manutenção preventiva, que é a troca regular do óleo do motor e substituição dos filtros de forma correta, a relação custo-benefício será maior. Ao deixar de lado a manutenção correta, poderá comprometer peças que tem um custo muito elevado se comparado à economia de tentar economizar na troca de um filtro, por exemplo.

De acordo com especialistas ouvidos pelos técnicos do PROCON Goiás durante visita aos estabelecimentos, a utilização do óleo sintético é sempre a melhor opção para o motor. O custo um pouco elevado desses óleos (em geral com especificação de 0W, 5W e 10W) muitas vezes afasta o consumidor, que acaba escolhendo lubrificantes minerais. No entanto, de acordo com esses especialistas, os sintéticos são apontados como melhor opção, até mesmo num carro popular, pois trazem benefícios de longo prazo, como partidas mais rápidas, economia de combustível, preservação do motor de arranque e bateria, além da redução do desgaste e aumento da vida útil do motor.

Se possível, evite a troca de óleo em postos de combustíveis:

Não é difícil encontrar frentista, na hora de abastecer o carro, se oferecendo para verificar o nível do óleo do motor. No entanto, se você não tiver um pouco de conhecimento e noção da última troca de óleo realizada, poderá acabar no papo do frentista que vai tentar te empurrar uma troca ou alguns litros para completar o nível, sem, muitas vezes, ser necessário.

Para evitar esses contratempos, o próprio consumidor não precisa ser mecânico para fazer isso. A medição deve ser feita com o motor frio e com o carro parado em local plano, ou seja, nada de fazer isso quando parar para abastecer.

Há um mito de que o óleo escuro é indicativo de que está na hora de trocar, o que não é verdade, muito pelo contrário. A cor escura significa que ele está fazendo o seu papel, limpando as peças do motor, retirando pequenos resíduos.

No relatório da pesquisa, em anexo, o consumidor poderá encontrar ainda uma série de dicas e orientações a respeito dos prazos e regras para a troca de óleo e filtros.

Para acessar a planilha de preços clique aqui

Para acessar o relatório da pesquisa clique aqui

Assessoria de Imprensa PROCON Goiás

Tom Fernandes

Emanuelle Ribeiro

Ramon Lacerda

Contato para imprensa: 3201.7134

Email: imprensa@procon.go.gov.br

 

Fonte: A A A
Publicado em 09/02/2017 | |

Compartilhe

Fechar Acessibilidade