PROCON Goiás monitora preços de combustíveis na capital

Desde o dia 03 de julho deste ano, quando os ajustes nos preços dos combustíveis passaram a ser diária por meio da revisão da política de preços do diesel e da gasolina, o PROCON Goiás vem monitorando periodicamente os preços dos combustíveis praticados pelos estabelecimentos na capital.

A intenção do órgão é a identificação de possíveis práticas de preços anti competitivos, alinhamento de preços de forma artificial ou elevação de preços sem justificativas, que resultam em prejuízos exclusivamente ao consumidor. Apesar dos preços serem livres e cada estabelecimento ter a livre iniciativa para defini-los, os direitos do consumidor devem ser respeitados.

Caso uma ação por parte do PROCON Goiás seja necessária, é preciso ter parâmetros de comparação de preços. Desta forma, durante todo o mês de julho (dos dias 1º a 31), foram coletados os preços de combustíveis de 179 postos da capital, para formar um banco de dados.

Com o aumento repentino ocorrido em postos na noite de ontem, foi iniciado nesta manhã um levantamento preliminar de preços em vários postos da capital, com intuito de avaliar o percentual de concentração de preços com reajuste e de verificar se a opção de escolha do consumidor foi prejudicada.

Assessoria de Imprensa do Procon Goiás

(62) 3201-7134

Compartilhar: