Fiscais do Procon Goiás flagram ´bomba baixa´ e teor de etanol acima do permitido em gasolina vendida em posto de combustíveis em Goiânia

Nesta quarta-feira (22/6), o Procon Goiás identificou a venda de combustível fora dos padrões de consumo em um posto localizado no Jardim Novo Mundo, em Goiânia. Após a realização dos testes de rotina (quantidade e qualidade), identificou-se irregularidade nas duas situações. Uma delas refere-se à chamada “bomba baixa”, quando há a constatação de que o volume ejetado da bomba é inferior ao marcado no painel.

A outra diz respeito ao porcentual superior de etanol anidro na composição da gasolina comum. Por lei, esse teor deve ser de 27%. No entanto, foi encontrado o percentual correspondente a 32%, o que pode provocar danos aos veículos. O estabelecimento foi autuado e sofreu ainda as seguintes medidas: o tanque de gasolina comum foi lacrado, além de seis bicos de gasolina comum e o bico de etanol de uma das bombas.

Para retomar as operações parciais, o posto deverá sanar o problema e receber autorização da ANP. De acordo com o superintendente do Procon Goiás, Levy Rafael, os fiscais do órgão “estão nas ruas e atentos para que o consumidor possa ter segurança na hora de abastecer”, afirma.

Compartilhar: